Você está aqui: Página Inicial / Cursos / Licenciatura em Letras: Português e Literaturas

Apresentação

                                                       Logo do curso

ÁREA: Códigos e Linguagens e suas tecnologias

CURSO: Licenciatura em Letras - Português e Literaturas

TEMPO DE DURAÇÃO DO CURSO: 8 semestres letivos (4 anos)

* Licenciados aptos ao exercício da docência do 6º. ao 9º. ano de escolaridade do Ensino Fundamental e nos Cursos de Nível Médio.

LOCAL DE OFERTA: campus Campos Centro

COORDENAÇÃO:

* Professora Andressa Peres Teixeira - Coordenadora Acadêmica 

* Professor Jonis Manhães Sales Felippe - Coordenador Adjunto

CONCEPÇÃO, ESTRUTURA E PROPOSTA DO CURSO:

A concepção do Curso privilegia a produção do conhecimento científico com consciência e responsabilidade, tendo como objeto de estudo e de aplicação a Língua Portuguesa e suas Literaturas, entendidas não apenas em seu aspecto comunicacional, mas sobretudo identitário, o que implica a compreensão de seu dinamismo e mobilidade. Tal concepção privilegia, ainda, o estudo das Literaturas de Língua Portuguesa como enunciações culturais enraizadas em seus contextos de produção e em diálogo com outras manifestações artísticas.

O curso parte de cinco grandes pretensões:

* Formar profissionais aptos à compreensão das diversidades linguísticas que constituem a língua portuguesa em níveis diatópicos, diafásicos, diastráticos, diacrônicos e capazes de, sem abandonar a variante culta da língua, ensinar seus usuários a serem poliglotas na própria língua e destros na adaptação da mesma a contextos de produção textual distintos.

* Formar professores-leitores prontos para o entendimento tanto do cânone literário em língua portuguesa, quanto das “práticas literárias” contemporâneas; capazes de articular fontes e influências, sem parâmetros hierárquicos e sem juízos de valores pré-concebidos, e atentos às práticas literárias em outros suportes que não apenas o impresso. Ou seja: um professor-leitor capaz de refletir criticamente sobre as manifestações literárias contemporâneas sem perder de vista os diálogos com o cânone. * Formar professores capazes de tecer relações com outras manifestações artísticas, para além da literatura, em diálogo interdisciplinar e intercultural; um profissional leitor de outros signos, capacitado, para tanto, por meio das disciplinas de “Leituras Orientadas”, “Análise do discurso”, “Fundamentos da Semiótica I e II”, “Literatura Comparada”, “Literatura Africana de Língua Portuguesa”, entre outras.

Formar professores que saibam se valer das TIC não apenas de forma pretextual ou pseudo-contemporânea, mas também como instrumental motivador e eficiente do processo de ensino-aprendizagem.

* Formar professores comprometidos com princípios éticos formadores de uma cidadania reflexiva e crítica.

 PERFIL PROFISSIONAL:

O licenciado em Letras deverá apresentar múltiplas competências e habilidades, a partir do domínio e da reflexão crítica sobre os componentes curriculares do Curso bem como dos conhecimentos oriundos de suas participações nas atividades acadêmico-científicas.

O licenciado em Letras deverá:

a. Estar preparado para inserir-se no mundo do trabalho como profissional que possa atuar no Ensino, na Pesquisa e na Extensão da Educação Básica e/ou Profissional.

b. Atuar no ensino da Língua Portuguesa, bem como nos estudos literários e na produção textual.

c. Exercer, conscientemente, sua cidadania observando e validando os diversos registros da Língua Portuguesa, por meio de seus discurso e prática.

d. Compreender a realidade, numa perspectiva sociocrítica, para que possa transformá-la, visando à construção de novas relações sociais.

e. Nortear sua prática profissional pela constante reflexão crítica e pela verticalização de seus estudos em níveis de pós-graduação.

f. Exercitar o hábito de leituras diversificadas, incluindo a semiótica tendo em vista a multiplicidade de linguagens circulantes na sociedade.

g. Saber ler criticamente os novos gêneros textuais.

h. Ser um leitor que domine a tecnologia do hipertexto considerando seu caráter revolucionário-pedagógico dentro das comunicações mediadas pelas TIC.

i. Compreender o processo de construção e produção do conhecimento a partir de práticas laboratoriais.

j. Dominar os saberes pedagógicos pertinentes à sua prática docente.

k. Conhecer as peculiaridades do desenvolvimento psicossocial característico do estudante da Educação Básica e/ou Profissional.

l. Saber gerir, no contexto didático-pedagógico, as diversidades culturais, sociais, psíquicas e físicas emergentes.