Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Formação docente - por António Nóvoa

Formação docente - por António Nóvoa

"Nenhum de nós nasce professor, nós nos tornamos professores. A formação deve ser um processo de constituição de uma cultura profissional, de um gesto profissional, de uma maneira de ser profissional. Formar um professor é conseguir que alguém aprenda a conhecer, a pensar, a sentir e a agir como um profissional docente."

A afirmativa acima foi feita por António Nóvoa - pesquisador em educação, professor e reitor honorário do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa -, em entrevista concedida à Revista Educação, publicada em 08 de novembro de 2016 no site da revista e reproduzida, em 30 de janeiro último, no site da Revista Forproll (fonte).

Na semana em que o semestre letivo reinicia, retomamos os trabalhos e as reflexões, no sentido de reafirmarmos nosso compromisso, enquanto instituição de ensino superior, com a educação básica, por meio de uma formação de professores com qualidade.

O professor Nóvoa traz alguns desafios nesta sua fala, entre eles o de construir a identidade profissional do professor desde o primeiro dia de aula e da criação do que chama de "casa comum", para a formação de professores.  Esta última, segundo Nóvoa, "pode ser um prédio, um colegiado; cada universidade decidirá o que quer fazer, mas tem de haver um lugar, um espaço, onde se reflita sobre essa formação."

Começamos esta etapa de retomada compartilhando com professores e alunos dos cursos de licenciatura a entrevista e desejando que possamos, todos (as) fazer boas reflexões a partir dela... E que nossa prática possa ser, não só repensada como refeita, à luz dessas reflexões.

Para acessar a entrevista, clique aqui